Ótimo início de ano para a construção sustentável

Compartilhe:

Facebook Twitter Google+ LinkedIn Email

Publicada em: 25/04/2016

O mercado da construção sustentável contraria toda estimativa negativa, em face as consequências da crise política e econômica que enfrentamos.
 
Uma das métricas que utilizamos para quantificar o atendimento de metas para objetivos descritos em nosso planejamento estratégico é o número de novos registros de projetos LEED por mês. No primeiro trimestre de 2016 tivemos 34 novos registros contra 24, 21 e 33, respectivamente referentes aos anos de 2015, 2014 e 2013. O começo de 2016 desponta como o segundo melhor ano da certificação LEED no Brasil, perdendo apenas para os 64 novos projetos registrados no primeiro trimestre de 2012.
 
Adicionalmente, registramos 8 novos projetos no Referencial GBC Brasil Casa, dentre eles loteamentos e condomínios residenciais verticais que participarão do programa piloto.
Em termos de educação foram 7 treinamentos capacitando 130 profissionais, sendo 5 na cidade de São Paulo e 2 no Rio de Janeiro. No mês de abril já estão confirmadas turmas em Goiânia e Recife, além dos treinamentos em São Paulo patrocinados pela Dow e LG.
 
Os canais de comunicação do GBC Brasil com o mercado, diretório de membros, revista GBC Brasil, blog, mídias sociais e eventos crescem continuamente, contribuindo, aos membros engajados, colherem ótimos proveitos no que tange a ideia de "member value". Mais de 3.000 profissionais visitam o nosso blog e o website do GBC Brasil possui cerca de 70.000 visualizações, sendo que o tempo de permanência de visitantes únicos é de 5 minutos.
 
O Greenbuilding Brasil Conferência Internacional e Expo de 2016 já possui o dobro de patrocinadores confirmados comparado ao ano de 2015, e o novo modelo de gestão em parceria com o Grupo Informa e High Design garantirá praticamente o dobro de profissionais visitantes. Deca, Honeywell, Saint Gobain, Cushman & Wakefield, Eastman, Marcetex, Rain Bird e outras já estão confirmadas, assim como o Keynote speaker da sessão de abertura e a grade da conferência.
 
De fato, nós (leia-se GBC Brasil seus membros e parceiros) lideramos um movimento que há anos deixou de ser tendência, consolidando-se em uma transformação tida como unanimemente necessária. Cabe a nós trabalharmos para acelerá-la. A construção sustentável continua crescendo para setores diversos do mercado, assim como iniciativas do Poder Público em criar políticas de fomento ao movimento.
 
Alinhado com as informações acima mencionadas, temos o Relatório Mundial do World Green Building Council (download aqui) sobre tendências do nosso setor para os próximos anos. Uma das curiosidades desta última pesquisa, que ocorre a cada 3 anos, aponta a grande diminuição no número de respondentes membros dos diferentes GBCs, de 76% para 33%, demonstrando que estamos penetrando setores diversos da indústria. E como resultado, destaca-se que os 36% dos profissionais e empresas no Brasil confirmaram que até 2018 mais de 60% dos seus projetos serão verdes. Na pesquisa anterior, divulgada em 2012, apenas 6% mencionaram referido comprometimento considerando o ano de 2015 como horizonte.
 
Por diversos fatores, nosso movimento mantém otimismo e geração de oportunidades. Aos líderes não restam dúvidas que construção sustentável é o caminho, onde devemos investir a todo momento, e, através do Green Building Council Brasil nós encontraremos as respostas sobre onde e como investir.
 
No mês de maio reativaremos nossos Comitês Técnicos para análise e discussão da certificação WELL com foco em saúde e bem-estar, bem como o Referencial GBC Brasil Casa para loteamentos e condomínios residenciais verticais. Também estamos contatando todas as 800 empresas associadas para apresentar os detalhes do nosso novo planejamento estratégico e discussão das atividades presentes e futuras, além de requerer que todas contatem o GBC para adiantarmos nossa conversa visando juntos, insuflar a acesa chama da indústria da construção sustentável do país.

Aproveito para sugerir que assistem a matéria gravada pelo Programa Meio Ambiente, através do link abaixo, sobre a Casa Eudóxia da Eng. Angela Mackee e o projeto residencial vertical piloto da incorporadora Melro Brasil, ambos localizados em Campinas - SP. Veja aqui

Nós somos a força que rege este movimento. O poder da transformação está nas nossas mãos.
 
Felipe Faria
Diretor Executivo
Green Building Council Brasil