A Alemanha produziu tanta energia sustentável que pagou para cidadãos consumirem

Compartilhe:

Facebook Twitter Google+ LinkedIn Email

Publicada em: 23/05/2016

Domingo, 8 de maio, foi um dia recorde para a produção de energia renovável da Alemanha: os painéis de energia solar e os geradores eólicos receberam tanta luz do sol e vento que produziram 87% de toda a energia usada no país naquele dia.

No país, existe um mercado de compra e venda de energia. Quando a oferta aumenta, os preços diminuem. Nesse caso, o volume recorde fez com que usinas nucleares, de gás e de carvão vendessem seu excedente a preços negativos.

Veja também:

Por algumas horas os consumidores comerciais simplesmente foram pagos para consumir energia. No momento de menor preço, cada Megawatt/hora estava cotado a -130 euros!

Isso porque as usinas de gás deixam de operar nessas ocasiões, mas as nucleares e de carvão não conseguem parar tão rápido, valendo mais a pena para elas se livrar do excedente do que passar por todo o processo de desligar e religar os sistemas.

A Alemanha é referência mundial na questão da energia renovável, se comprometendo a acabar com as usinas nucleares até 2022 e a ter apenas energia sustentável até 2050. Parece que estão no caminho certo?

Fonte: Hypness

O GBC Brasil oferece cursos relacionados à Energias Renováveis. Veja aqui