Jardim de Infância de Cultivo

Compartilhe:

Facebook Twitter Google+ LinkedIn Email

Publicada em: 17/06/2016

Vietnã, um país historicamente agricultor, está enfrentando mudanças à medida que evolui para uma economia baseada na manufatura, surtindo seus efeitos sobre o meio ambiente. O aumento das secas, inundações e salinização comprometem o abastecimento de alimentos, enquanto numerosas motos - muito comuns no país -  causam congestionamento diário e poluição do ar nas cidades. A rápida urbanização priva crianças vietnamitas de terras e playgrounds verdes, e portanto, de sua relação com a natureza.

O Jardim de Infância de Cultivo (no original, Farming Kindergarten) é um desafio para contornar estas questões. Localizado próximo à uma fábrica de sapatos, e projetado para 500 crianças,  filhos dos trabalhadores da fábrica, o edifício foi concebido como uma cobertura verde contínua, que fornece alimentos e a vivência da agricultura às crianças, assim como um grande playground à céu aberto.

A cobertura verde possui formato de três anéis desenhados com um único traço, circulando três pátios como se os protegessem. Recentemente um jardim de vegetais experimental foi realizado no seu topo. Cinco vegetais diferentes estão plantados em um jardim de 200 m² para educação em relação à agricultura.

Todas as funções estão acomodadas sob esta cobertura. À medida que a cobertura se inclina para o pário, dá acesso ao pavimento superior e aos jardins de vegetais da cobertura - o local onde as crianças aprendem a importância da agricultura e restabelecem a conexão com a natureza.

Estratégias Ambientais

O edifício é feito de uma faixa contínua com duas janelas nas suas laterais que maximizam a ventilação cruzada e a iluminação natural. Além disso, métodos arquitetônicos e mecânicos de economia de energia são aplicados exaustivamente ao longo do edifício, que incluem: coberturas vegetalizadas para isolamento térmico, fachadas verdes de sombreamento e aquecimento de água solar. Essas estratégias são projetados para serem visíveis e têm um papel importante na educação das crianças em relação à sustentabilidade. As águas utilizadas na Fábrica são recicladas e reutilizadas para irrigação dos jardins e descargas de banheiros.

VEJA TAMBÉM:


Como resultado, o jardim de infância opera sem auxílio de ar condicionado nas salas de aula, apensar de estarem localizadas em um clima tropical intenso. De acordo com o estudo de pós ocupação, depois de 10 meses de inauguração, o edifício economiza 25% de energia e 40% de água comparado com um edifício comum de performance regular, significativamente reduzindo seus custos de funcionamento.

Eficiência de Custos

O edifício é projetado para crianças de trabalhadores da fábrica de orçamento familiar baixo, portanto o orçamento de construção é bastante limitado. A combinação de materiais locais, a exemplo dos tijolos e telhas, e métodos de construção de baixa tecnologia foram aplicados, o que também auxilia a minimizar o impacto ambiental assim como promove a indústria local. Graças às formas simples e materiais econômicos, o custo de construção por metro quadrado é de apenas 500 USD incluindo acabamentos e equipamento, o que é competitivamente barato até para o mercado vietnamita.

Fonte: Archdaily

Quer aprender mais sobre técnicas de construção sustentável?
O GBC Brasil oferece diversos cursos. Veja aqui.