Novo Plano Diretor Estratégico contribui para São Paulo ganhar prêmio internacional de transporte sustentável

Compartilhe:

Facebook Twitter Google+ LinkedIn Email

Publicada em: 20/01/2015

Expansão da rede cicloviária e das faixas exclusivas de ônibus também influenciaram na premiação, que ocorreu no último dia 13 em Washington (EUA)

A cidade de São Paulo é uma das vencedoras da 10ª edição do Sustainable Transportation Award (STA), prêmio internacional de transporte sustentável para cidades com projetos inovadores que trazem estratégias de melhorias na mobilidade urbana, na segurança e acesso a ciclistas e pedestres e na redução da emissão de poluentes.

O prêmio é organizado pelo ITDP, sigla em inglês do Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento, que tem sede em Nova York e escritórios em outros seis países, inclusive no Brasil. O comitê que define os ganhadores é formado por especialistas em desenvolvimento e organizações que trabalham com transporte sustentável.

Uma das iniciativas que renderam o prêmio a São Paulo foi o novo Plano Diretor Estratégico (PDE) da cidade, que incentiva o transporte público por meio da ampliação da rede de corredores de ônibus, da orientação do crescimento da cidade ao redor dos eixos de mobilidade, da limitação do número de vagas de garagem ao longo desses eixos e do fim da exigência das vagas em construções novas.

Além disso, no que diz respeito à mobilidade, o novo PDE também destina 30% dos recursos do Fundo de Desenvolvimento Urbano (FUNDURB) para implantação de transporte público coletivo, sistema cicloviário e de circulação de pedestres, prevê calçadas largas nas proximidades dos eixos de transporte e estimula a oferta de emprego próximo à moradia.

Outra ação que contribuiu para o reconhecimento de São Paulo foi a expansão da rede cicloviária e do número de faixas de ônibus. Só em 2014, a cidade ganhou quase 150 km de ciclofaixas e 65 km de vias exclusivas de ônibus.

Além da capital paulista, Rio de Janeiro e Belo Horizonte também foram premiadas. Foi a primeira vez na história do evento que houve empate e mais de uma cidade levou o prêmio. Agora, as capitais brasileiras se juntam ao rol de vencedoras do STA, que já conta com cidades como Nova York, Londres, Paris e Buenos Aires.

Para conhecer melhor o novo Plano Diretor de São Paulo, bem como suas estratégias e ações para tornar a cidade mais humana e equilibrada, clique aqui.


Matéria de: Prefeitura SP